domingo, 4 de setembro de 2011

Duas vitórias neste domingo Torben e Marco Grael garantem título da Mitsubishi Sailing Cup no Rio

Tripulação do Negra comemorando o bi campeonato | Matias Capizzano

Após 8 regatas corridas terminou hoje a terceira e última etapa da Mitsubishi Sailing Cup 2011. O 'Negra', na S40 e o 'Match Point', na HPE25, foram os campeões de 2011.

Com um belíssimo domingo de sol e muitos ventos terminou hoje no Rio de Janeiro a Mitsubishi Sailing Cup 2011. Após três etapas, realizadas em Ilhabela, Búzios e aqui no Rio, a competição chega ao fim da sua segunda temporada curiosamente com dois bicampeões nas duas classes disputadas.

Na S40, o barco argentino de Juan Ball, com a tripulação uruguaia liderada pelo timoneiro Nicolás Gonzalez, venceu o circuito em 2011 com autoridade. Depois de se sagrar campeão em 2010, o barco venceu as etapas de Ilhabela e Búzios e, com o auxílio luxuoso de Lars Grael na tática, foram os vice-campeões no Rio. Sem dúvida, um resultado notável em uma classe de monotipos oceânicos rigorosamente iguais que traz em suas tripulações as maiores estrelas da Vela do Cone Sul.

No final, após 23 regatas no ano, com o descarte dos seis piores resultados de cada barco, o 'Negra' abriu 18 pontos sobre o vice-campeão geral de 2011, o 'Mitsubishi/Gol', de Torben e Marco Grael, que, por sua vez, terminou a temporada com 7 pontos de vantagem sobre o 'Pisco Sour', barco chileno de Bernardo Matte que contou com estrela argentina Guillermo Parada na tática.

Na classe HPE 25, a aparente supremacia do 'Match Point', de Hugo del Priore, veleiro que venceu o circuito em 2010 e também triunfou no Rio e em Ilhabela, tendo sido vice-campeão da etapa de Búzios, escondeu uma disputa feroz com o 'Ginga'. O veleiro do comandante Breno Chvaicer, jamais deixou os bicampeões em paz e o resultado do circuito só foi definido na última regata.

Ao final de 23 provas disputadas no ano, com o descarte dos seis piores resultados, o 'Match Point' ficou apenas um ponto, ou seja, o equivalente a uma única posição em qualquer regata, à frente do 'Ginga'. Um resultado que demonstra o quanto as classes de monotipos proporcionam disputas acirradas.

Etapa Rio - Ao final de quatro dias de provas na baía de Guanabara a etapa carioca da Mitsubishi Sailing Cup 2011 consagrou o 'Mitsubishi/Gol' e o esforço da família de Torben Grael, o tático do barco, que junto aos filhos Marco, o timoneiro, e Martine e a sua esposa Andrea venceu três das últimas quatro regatas - foi segundo na sexta prova - e garantiu a vitória em casa.

André "Bochecha" Fonseca, que na classe olímpicas 49er inverte os papais com Marco Grael, lá ele timoneia e Marco faz a proa, ficou muito satisfeito com a vitória em águas cariocas. "Nós ficamos contentes com o desempenho do barco e da tripulação. Conseguimos colocar 10 pontos sobre o Negra e isso mostra o quanto andamos bem aqui. A Mitsubishi Sailing Cup é muito legal e estou ansioso pela temporada de 2012. Tomara que o calendário da campanha olímpica nos permita correr aqui também", comentou o veterano de dois Jogos Olímpicos e de duas regatas de volta ao mundo. Atrás do 'Mitsubishi/Gol' na etapa do Rio de Janeiro ficou o 'Negra' e em terceiro, o barco gaúcho 'Crioula', timoneado por Samuel Albrecht.

Na classe HPE 25 a disputa, como durante todo o ano, foi entre o 'Match Point' e o 'Ginga', com o veleiro 'Atrevido' de Fábio Bocciarelli em terceiro. Por curiosidade o pódio do Rio de janeiro foi a reprodução final do pódio do circuito em 2011. A Mitsubishi Sailing Cup, que já se consolidou como o melhor torneio de Vela da América do Sul, vai ter sua terceira temporada disputada no ano que vem.

Para mais informações, e transmissão boia a boia, acesse: www.twitter.com/mitsailingcup e também o site www.mitsubishisailingcup.com.br, onde será possível ver textos, fotos e vídeos das regatas. A regata é uma realização da Mitsubishi Motors do Brasil.

Resultados Classe S40 -Acumulado da Etapa (08 regatas sem descartes )

1º Mitsubishi /GOL (BRA ) -Marco Grael -23 pp
2º Negra (ARG) - Juan Ball -33 pp
3º Crioula (BRA) -Samuel Albrecht - 38pp
4º Pajero (BRA) - Eduardo Souza Ramos -43.4 pp
5º Pisco Sour (CHI) -Bernardo Matte-46 pp
6º Santander (CHI) -Jorge Arananda Maturana -52pp
7º Movistar (CHI) -Ramon Eluchans - 52 pp
8º Patagonia (ARG) - Norberto Alvarez Vitale -58pp
9º Celfin Capital (CHI) -Jorge Errazairiz -58 pp
10º Mitsubishi Motors (CHI) -Horacio Pavez - 60 pp
11º Claro (CHI) - Dag Von Appen -73 pp
12º Carioca (BRA) - Roberto Martins- 83 pp

Vencedores do Campeonato 2011 (23 regatas com 06 descartes )
1º Negra (ARG) -Juan Ball - 39 pp
2º Mitsubishi Gol (BRA) - Marco Grael - 57 pp
3º Pisco Sour (CHI)- Bernardo Matte - 64 pp
4º Patagonia (ARG) -Norberto Alvarez Vitale - 71.2pp
5º Crioula (BRA) - Samuel Albrecht -72 pp

Resultados Classe HPE - Acumulado da Etapa (08 regatas sem descartes )

1º Macht Point (BRA) - Hugo Del Piore -28 pp
2º Ginga (BRA) -Breno Chavlcer - 29 pp

3º Atrevido (BRA) - Fabio Bocciarelli -29pp
4º Ah Moleque (BRA) - Thomas Rittscher - 41 pp
5º Vuarnet (BRA ) Tomas M. Albernaz-45 pp
6º BSS (BRA) - Marcelo Christiansen -49pp
7º - Max (BRA ) - Anderson Baison -58 pp
8º Aventura (BRA) -Jose Vita - 58 pp
9º Montecristo (BRA) -Julio Cechetto- 63 pp
10º Repeteco II (BRA) - Fernando Haaland - 84 pp
11º Alifa (BRA) - Rodrigo Korman - 85 pp
12º Vesper III (BRA) - João Marcos M. Almeida -86 pp
13º Arion (BRA) - Paulo Donário - 91 pp

Vencedores do Campeonato ( 23 regatas com 6 descartes )

1º Macht Point (BRA) - Hugo Del Piore - 35 pp
2º Ginga (BRA) - Breno Chavier - 36 pp
3º Atrevido (BRA) - Fabio Bocciarelli - 56 pp
4º Vuarnet (BRA) - Tomás M. Albernaz -77 pp
5º Aventura (BRA) -José Vita- 94 pp

Thiago Padovanni | Lide
-- 
FarolCom | Coletivo de Imprensa
rede web de informação e cultura