quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Sueli Pereira acirra disputa feminina no Circuito CAIXA em São Paulo

Sueli Pereira: a mais rápida do Circuito CAIXA | Luiz Doro/ adorofoto

Brasileira mais rápida na temporada, com recordes em duas etapas, fundista quer ser ainda mais veloz neste domingo (2/10), na prova que terá quatro das cinco primeiras do ranking

São Paulo - Sueli Pereira já é a brasileira mais rápida do Circuito de Corridas CAIXA em 2011, mas vem para a etapa de São Paulo, neste domingo (2/10), querendo mais velocidade e ganhar posições no ranking nacional de corredoras de rua. Com dois recordes da competição na bagagem e resultados importantes na capital paulista, a fundista goiana promete uma boa briga na disputa da elite feminina. A largada e chegada dentro do Estádio do Pacaembu, ícone da cidade, vai conferir ainda mais emoção à prova, que terá início às 8 horas e percursos de 5 km e 10 km.

Goiana de Jataí, Sueli Pereira iniciou a temporada 2011 com o vice-campeonato nos 25 km de Aracajú e a vitória na 4ª Corrida do Trabalhador Maria Zeferina Baldaia, em Sertãozinho, onde estabeleceu o primeiro recorde para os 10 km: 33min36, nova melhor marca da prova. Outros dois recordes vieram nas etapas de Goiânia (15/5) e Campo Grande (7/8) do Circuito CAIXA. Ainda foi a melhor brasileira nas provas de Uberlândia (3ª, em 18/9) e Curitiba (2ª, em 25/9). Sueli, que vinha treinando pesado, visando resistência para a Maratona do Rio de Janeiro, adiada por causa do Rock in Rio, voltou agora aos treinos de velocidade e sonha com tempos ainda menores em São Paulo.

"A Sueli se sente melhor em percursos difíceis, com subidas e descidas, mais do que em trajetos planos. Como treina num local também com variações de altitude e um clima bem quente, acabou adquirindo resistência. Ela saiu de Curitiba super feliz, dizendo que a prova foi maravilhosa, que o percurso era ótimo. E corre em São Paulo muito animada com a possibilidade de ser mais rápida", conta o técnico Ronaldo Quirino.

Ronaldo lembra ainda que Sueli fez alguns dos seus resultados mais importantes em São Paulo. Venceu a 10K Brasil, em maio, e foi a quarta e melhor brasileira na Maratona de São Paulo, em junho - considerado o segundo melhor desempenho de sua carreira, depois do vice-campeonato na Volta da Pampulha de 2008.
"A Sueli está fazendo a sua melhor temporada, em mais de doze anos de carreira. Trabalhamos muito para chegar a esse ponto, neste momento. Estamos fazendo uma preparação bem focada na São Silvestre, e estou muito ansioso, com expectativa de que ela possa ir muito bem lá. Ela está fazendo um belíssimo trabalho, e surpreende a mim, como técnico e como marido, a cada prova, a cada dia. É o ano dela", elogia Ronaldo.

O desempenho de Sueli nesta temporada já rendeu frutos. Depois do recorde em Goiânia, sua cidade natal, a prefeitura aprovou um projeto de apoio à fundista até o final do ano. Vencer uma prova como a do Circuito CAIXA em casa, diante da família e dos amigos, é muito importante, deu visibilidade a ela", explica o técnico.

Disputa acirrada na elite feminina em São Paulo

Entre as cinco primeiras colocadas do ranking brasileiro, apenas a líder Conceição Oliveira tem seu lugar assegurado e vem tranquila para a etapa de São Paulo do Circuito CAIXA, com 322 pontos - 134 a mais que a segunda colocada. Elivane Oliveira dos Santos (2ª, 188 pontos), Edielza Alves dos Santos Guimarães (empatada com Marluce Queiroz em 3º lugar, 178 pontos) e a própria Sueli Pereira (5ª, 176 pontos), muito próximas umas das outras na classificação geral, terão de defender suas posições na capital paulista.

O pelotão de elite feminino conta ainda com Vanda Carneiro Chagas (6ª, 151 pontos), Eliane Costa de Jesus (7ª, 143 pontos), Roseli Mateus (8ª, 94 pontos), Maria Silvânia Araújo (9ª, 79 pontos), Maria Zeferina Baldaia (11ª, 74 pontos). Outro destaque da prova será a presença de Adriana Aparecida da Silva, campeã do Sul-Americano de Meia-Maratona de Buenos Aires, em setembro.

Para acirrar ainda mais a disputa feminina, o continente africano também terá duas fortes representantes: Jackyne Chemwek, vencedora da última etapa do Circuito CAIXA, em Curitiba, e Ednah Mukhwana, conhecida das fundistas brasileiras, com quatro vitórias na competição entre 2009 e 2010.

Mais importante competição de corridas de rua do País, o Circuito CAIXA tem a chancela da CBAt. Sete das 11 etapas, disputadas em nove Estados do Brasil, já foram realizadas - as próximas cidades a receber a disputa, depois de São Paulo, serão Ribeirão Preto (16/10), Porto Alegre (30/10) e Brasília (6/11). O Circuito tem grande importância para os atletas de elite porque todas as 11 corridas valem pontos para o ranking brasileiro de provas de rua. Os dez primeiros colocados no ranking garantem o patrocínio da CAIXA em 2012.

O Circuito CAIXA é uma realização da HT Sports, com patrocínio da CAIXA Econômica Federal. A Centauro é a loja oficial do Circuito, que tem apoio da Marathon, isotônico oficial, da Polenghi e da Água Mineral Minalba. Em São Paulo, conta ainda com o apoio da Secretaria Municipal de Esportes, Lazer e Recreação, e Prefeitura de São Paulo, além da supervisão técnica da CBAt e da Federação Paulista de Atletismo.

Mais informações em www.circuitocaixa.com.br / http://twitter.com/circuitocaixa

via Local
-- 
FarolCom | Coletivo de Imprensa
rede web de informação e cultura